APT e os Mecanismos pelo mundo se unem para pedir proteção as mulheres na prisão.

Pela primeira vez – hoje no Dia Internacional da Mulher –o Mecanismo Estadual de Prevenção e Combate à Tortura do Rio de Janeiro se une à Associação para a Prevenção da Tortura e 40 outros órgãos de monitoramento de todo o mundo para pedir uma ação governamental renovada para proteger as mulheres na prisão.

APT-MNP_comunicado_conjunto_8marzo2021_MEPCTRJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *